Especial Copa do Mundo: Diante do México, Brasil repete 1950 (ou 1958/62, você decide)

brasil x méxicoA campanha brasileira neste Mundial está repleta de déjà vus. Primeiro, a estreia contra a Croácia remetendo a 2002, quando a arbitragem nos deixou bater a Turquia por 2×1. Agora, o 0x0 com o México se assemelha ao obtido por nozes 64 anos antes de Neymar e companhia esbarrarem no arqueiro Ochoa. E também ao nosso bicampeonato. Escolher o que lembrar depende da fé.

A quem vê o copo meio vazio => Em 1950, a Canarinho vice-campeã terminou a segunda rodada da fase de grupos empatando por 2×2 com a Suíça. Isto depois de vencer o primeiro jogo. Tal qual 2014.

Há uma diferença salutar, porém. O batido foi justo o escrete azteca (4×0). Mas fica a curiosidade.

A quem vê o copo meio cheio => Em 1958, ficamos no zero com os ingleses, após derrotarmos a Áustria por 3×0 no jogo inaugural. Quatro temporadas adiante, começamos vencendo o México (sempre ele) por 2×0 e aí empatamos sem gols com a Tchecoslováquia.

Triunfamos nos dois certames.

Adendos =>
1) Desde o Uruguai de 1930, nenhum anfitrião que levantou a taça teve 100% de aproveitamento. Tamo na média.
2) O último dono da casa latino-americano a rir por último foi a Argentina, em 1978. Mais uma razão pra torcermos pelo hexa brazuca.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s