O retrato da mulher no amadurecimento musical dos Rolling Stones (1966-67)

stones 66Desde a origem do grupo, em 1962, mulheres são tópico frequente na discografia dos Rolling Stones. A abordagem, contudo, ganhou contornos diferenciados no início da segunda metade dos anos 60.

Ao passo em que tornou sua música ambiciosa e madura, a rapaziada passou a ver o lado feminino num viés mais profundo e universal, abrindo o leque além da sexualidade.

1966

A primeira evidência é 19th nervous breakdown, single de fevereiro de 1966. A canção lida com uma jovem rica e vazia, cuja infância foi marcada por bens materiais ao invés de amor paterno.

stones aftermathAftermath, álbum que veio ao mundo quatro meses depois, mantém a pegada analítica. Mother’s little helper conta a história de uma dona de casa entediada, que combate a chatice da vida doméstica ingerindo pílulas.

Mesmo Stupid girl, crítica à preocupação em demasia com aparências, vai além do lugar comum e mete o dedo na ferida do pré-julgamento alheio.

Romantismo também faz parte do caldo. Lady Jane homenageia a musa com ares shakesperianos.

Já Under my thumb vai fundo na misoginia e relata uma jovem submissa, transformada pelo namorado num obediente animal doméstico.

1967

stones between the buttonsNo LP Between the buttons, de janeiro de 1967, a banda continua a compor diagnósticos humanos através de personagens femininas, principalmente em Ruby Tuesday e Coll, calm & collected.

A primeira revive a heroína elisabetana, de espírito livre, desprendida e dedicada a seguir seus sonhos.

A segunda mostra a dualidade das pessoas. Uma respeitável figura pública possui inúmeras virtudes quando vista em sociedade. Dentro de si, entretanto, esconde um lado selvagem, reverberado na melodia (intensa nos versos e calma no refrão).

Claro que evocar mulheres com disfunções comportamentais denota machismo (intencional, em alguns casos). Todavia, é interessante enxergar o quanto os Stones saíram da zona de conforto, construindo histórias fora do âmbito sexual e apontando vários comportamentos erráticos da sociedade contemporânea – seja a dos anos 60, ou a atual.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s