Contos e afins => Eleutério e as espécies

eleutérioEleutério adorava reclamar. Sentia pavor quando não via nuvens no céu, e só não odiava mais o Sol do que a Páscoa. Celebrar ressurreições sonecando no sofá lhe era mais afável do que procurar Alpinos na promoção.

Poucas coisas agradavam o caboclo. Liberdade? Not a fan. Certa vez, foi pego conversando com o mendigo da rua abaixo, enaltecendo as bem-aventuradas formigas. Trabalham o tempo todo, sem tempo pra pensar besteira. Uma inveja verdadeira.

Finais de maio eram particularmente complicados pra Eleutério. Embora jamais avistado em roupas de frio, xingava Zeus e o Olimpo à proximidade do inverno. Vento cortante inspira movimento constante, coisa repugnante pr’aquele cérebro.

Um passatempo salutar fazia suas tardes: atazanar pombas. Baixinho, subia numa cadeira beeeem lentamente, se debruçava na janela e tacava bordoada. Os ratos alados fugiam assustados, porém curtiam a dialética: no calar da noite, prontamente regressavam aos telhados vizinhos e grunhiam como o capeta longe do fogo. Vinte e quatro horas adiante, o ritual se cumpria nova e religiosamente.

Tal treta com os pássaros rendeu-lhe inimizades no prédio em que morava. Isto porque a arma favorita na cruzada avícola consistia em bolas, confeccionadas por meias roubadas de varais alheios. Nada que causasse remorso em Eleutério, sempre disposto a pelear.

Hoje completa três semanas que o cara sumiu. Ninguém sabe, ninguém viu. Na última vez em que avistado, fazia um céu azul intenso, calorão. Ele nem reclamou. Dizem até que meia não faltou aquele dia.

O edifício está uma infestação só de formigas, tão donas do lugar que andam em fila bem no meio do corredor. Tomam cada varal, sem pudor, besteira ou rancor. Pisam duro.

As pombas já não grunhem, tampouco voam telhados afora enquanto aguardam a ressurreição. Incrível como, longe dos inimigos, vencedores de longas batalhas perdem o viço e a razão de viver.

 

Anúncios

Uma resposta em “Contos e afins => Eleutério e as espécies

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s