1964: The Who mira nos mods, muda o nome pra The High Numbers e se rende ao R&B

the whoAntes de estourar no Reino Unido, The Who viveu um período de crise de identidade. Aconselhados pelo empresário Peter Meaden, os gurizinhos investiram no movimento mod, mudaram o guarda roupa e trocaram até de nome, na esperança de encontrarem seu nicho.

Sob a tutela The High Numbers, a banda vestiu a indumentária típica dos lambreteiros e adicionou soul, beat e rhythm & blues ao setlist.

Olha os caras fazendo cover de The Miracles, em 1964:

Artistas da Motown eram lei no período, e o manager Peter Meaden escrevia músicas ao High Numbers que copiavam o R&B norte-americano. Na cara dura.

O single Zoot Suit é prova disso. Seu arranjo surrupia Misery, do grupo The Dynamics.

Ah, o b-side do registro também não se faz de rogado. I’m the Face bebe na fonte de I Got Love If You Want It, de Slim Harpo.

Mesmo bem planejada por Meaden, a mudança de direção não surtiu efeito. Os mods pouco se interessaram por Zoot Suit, que nem chegou ao top 50 das paradas inglesas.

the who 2The High Numbers voltou então a ser The Who e aperfeiçoou a performance ao vivo. Roger Daltrey passou a chicotear cabos de microfone, Pete Townshend gerou sua ventoinha braçal e fez da destruição da guitarra uma prática regular, enquanto John Entwistle atacava o baixo e Keith Moon atirava baquetas pra cima, pegando-as de volta no meio das canções. Quebrar a bateria, claro, também entrou no menu.

Vieram novos empresários (Kit Lambert e Chris Stamp), aí a piazada alinhou o R&B alheio com composições próprias, calcadas no rock, encontrando definitivamente um público cativo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s