Criado no berço do futebol, David Bowie preferia a bola oval

david bowie 2David Bowie era um rapazinho diferente. Nascido na Londres dos anos 1940, tinha tudo pra gostar do football inglês. Ainda mais cercado por Arsenals, Tottenhams, West Hams e Chelseas esquinas afora.

Pois não. A real preferência esportiva do guri residia no outro football: o americano.

Quando bacuri, Bowie acompanhava partidas via rádio, através da retransmissora da base do exército dos EUA na Alemanha. Mandou inclusive uma carta à embaixada ianque, aos 13 anos, revelando sua admiração e pedindo revistas sobre a bola oval.

Militares da marinha ficaram tão surpresos que atenderam à solicitação, com direito a bônus – deram ao piá capacete, protetor de ombros, pelota e tudo, além de convidá-lo a assistir vídeos de futs na sede da base.

david bowie 3E não parou por aí. O pequeno jornal britânico Bromley & Kentish Times noticiou o caso, em novembro de 1960. Na reportagem, David Jones (nome de batismo do camaleão) é tratado como líder de uma “revolução esportiva”, mas lamenta o salgado preço dos equipamentos do jogo estadunidense.

Incapaz de alavancar a preferência na Grã-Bretanha, David se contentaria em praticar rúgbi nos tempos de escola, atuando como scrum half-back (seja lá o que isso signifique).

PS => A família de Bowie acredita que a paixão venha da forma extravagante que os atletas de futebol americano se vestem, com shoulder pads, jerseys e outros bregnáits.

É bem crível, já que o bastião gostava de paradas diferentes e chamativas.

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s