Grandes álbuns da humanidade brasileira => Brutown (The Baggios, 2016)

brutownLançamento após lançamento, os sergipanos do The Baggios se superam.

Depois de dois álbuns de estúdio investindo no som direto do bom e velho blues/rock, a dupla formada por Júlio Andrade (guitarra/voz) e Gabriel Carvalho (bateria) resolveu expandir no terceiro disco. Botou naipe de metais, teclados, backing vocals, ampliou os timbres e chamou muita gente legal pra participações especiais.

Assim nasceu Brutown. O melhor trabalho dos caras. E do ano 2016.

Nas letras e no conceito gráfico, o tema é a observação do caos cotidiano, realidade contemporânea na veia. A capa deixa claro a questã – novas construções se levantando conurbadas, em cima dos velhos alicerces da cidade.

Os feats. ao longo da tracklist, atração à parte, deixam a coisa ainda mais épica.

Logo na abertura, Emmily Barreto (Far From Alaska) carimba presença em Estigma. Adiante, figuram Gabriel Thomaz e Érika Martins (Autoramas) em Desapracatado, Jorge Du Peixe (Nação Zumbi) em Saruê, Felipe Ventura (Baleia) em Miquin e Fernando Catatau (Cidadão Instigado) em Soledad. Nesta última, Felipe Ventura também é creditado.

Boniteza coesa e precisa. Do início ao fim.

TRACKLIST:

  1. Estigma
  2. Brutown
  3. Desapracatado
  4. Sangue e Lama
  5. Alex San Drino
  6. Saruê
  7. Miquin
  8. Como um Tiro de Bacamarte
  9. Medo
  10. Vivo pra Mim
  11. Padece Ser
  12. Soledad
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s