1001 grandes álbuns desse mundão (parte 35)

all things must pass george harrison 1970Antes de mais nada: feliz ano novo! Pulou suas ondinhas? Guardou as sementes das uvas na carteira? Usou branco (ou qual for sua cor da sorte) na virada? Pois 2020 já está entre nóiz \o/

E em 2020 a lista alcança o patamar 700! Setecentos discos… Ainda tem chão, mas o fim começa a ficar mais claro. Continuar lendo

1001 grandes álbuns desse mundão (parte 34)

que país é este 1978 1987_legião urbanaChegamos a dezembro de 2019… Dá pra acreditar? Há não muito atrás, parecia que a Copa do Mundo do Brasil e as Olimpíadas do Rio eram coisas absurdamente distantes no horizonte. Agora os Jogos de Tóquio se aproximam. Tóquio! Dois mil e 20! O tempo corre rápido demais…

Eis então a última parte da lista mil-e-úmica do ano. Aproxima-se o marco 700 da empreitada. Mas… Isso é conversa pra 2020. Dois mil e 20! Continuar lendo

1001 grandes álbuns desse mundão (parte 33)

sarah jane absence 2019Boa parte – aliás, a maior parte do material que configura a minha lista dos 1001 grandes álbuns desse mundão – vem de décadas deveras anteriores ao momento musical atual. Só que agora, ora pois, pra variar, resolvi, embora a representatividade da parte 33 mantenha o panorama médio do projeto, ora pois, pra variar, quero exaltar um exemplo atual, que acabou de sair do forno. Continuar lendo

As 10 melhores músicas desconhecidas do Queen

queen getty imagesA série d’as 10 melhores músicas desconhecidas é das coisas mais divertidas de escrever aqui no blog. Inexplicavelmente, não bolava sequência dela desde novembro do famigerado ano passado. Feio.

Já não era sem tempo de eliminar tamanho fuzuê. Pra tanto, recorri aos sagazes do Queen, cuja vasta obra deixa a tarefa já legal de garimpar raridades ainda mais legal.

Portanto, jovem, taí as minhas eleitas dentre o cancioneiro dos caras. Ah, sempre bom ressaltar: a ordem é meramente ilustrativa. Não reflete critérios qualitativos. Continuar lendo

1001 grandes álbuns desse mundão (parte 10)

thelonious monk brilliant cornersQuando o projeto é longo, nem mesmo virada de ano é obstáculo.

Chegamos hoje à parte 10 da saga com a certeza de que, se muitos trabalhos bons já entraram no panteão, ainda rola espaço de sobra pra várias novas pérolas.

Forrado de jazz e altas doses de rock anos 1960, principalmente, eis o último post dos 1001 grandes álbuns desse mundão em 2017: Continuar lendo

1001 grandes álbuns desse mundão (parte 9)

disraeli gears creamO tempo vai passando e a lista, claro, continuando!

Afinal de contas, música boa tem que ser ouvida e ouvida e ouvida, né não?

A vocês apresento, ora ora pois, na humildíssima opinião deste que tece tais linhas, a parte 9 dos 1001 grandes álbuns desse mundão, repleta de cositas nacionais e internacionais deveras legais e de variadas épocas: Continuar lendo

1001 grandes álbuns desse mundão (parte 5)

rolling stones 12 x 5Quando comecei esta empreitada, minha intenção era fugir do pragmatismo das listas corriqueiras. Evitar classificações por gênero ou época. Apenas repartir o todo e pegar 20 discos bacanas por post, sem amarras.

Mas venho passando por período mais regrado na vida, então fiz concessões. Tal qual a parte 4, dedicada exclusivamente a obras brasileiras, aqui na parte 5 dos 1001 grandes álbuns desse mundão também rola uma lógica: um exemplar de cada temporada, de 1956 a 1975. Continuar lendo

Queen => As 10 melhores músicas sem Freddie Mercury nos lead vocals

roger-e-brianTaí uma lista que eu tava seco pra montar. Curto muito Queen e, com todo o respeito ao gogó de ouro Freddie Mercury, sempre tive uma quedinha pelas faixas cantadas por Roger Taylor Brian May.

Então aí vão minhas preferidas vocalizadas pelo batera ou pelo guitarrista.

Tirando as duas primeiras, top 2 pessoal, a ordem é aleatória. Ah, todas são dos 70’s. Como Deus gosta. Continuar lendo

9 músicas essenciais pra se ouvir na vida => José Maltaca (Cactos)

josé_as nove maisInicio hoje um projetinho maroto, fortemente inspirado pelo livro “Você tem que ouvir isso!” do jornalista Luiz Cesar Pimentel.

Neste balangandã, pergunto a cidadãos e cidadãs quais músicas consideram importantes de se ouvir na vida. Mas com uma ressalva: em vez de referências às novas gerações, tal feito por Pimentel, peço apenas 9 faixas “boas”. Dentro ou fora do radar.

Como não podia deixar de ser, a cobaia do negócio foi meu prestativo parceiro de banda, José Maltaca. Eis então as escolhidas pelo batera do Cactos: Continuar lendo