Com média de 2 gols por jogo, argentino Guillermo Stábile se tornou artilheiro da primeira Copa do Mundo

guillermo-stabileGuillermo Stábile foi um dos grandes forwards argentinos do começo do século XX. Nascido em 17 de janeiro de 1905, o rapazinho marcou época no centro do ataque do Huracán, feito que o levou à Copa do Mundo de 1930.

Foi o debute do galalau na Albiceleste. E ele não se intimidou: emplacou 8 gols e entrou pra história como o primeiro artilheiro do certame máximo do futebol. Continuar lendo

Anúncios

Eliminatórias, Copa de 1994 => Argentina passa aperto e quase fica fora do mundial dos EUA

argentina-1993-2É raro vermos os hermanos correndo perigo real de não se garantirem numa Copa do Mundo, principalmente depois que o sistema por pontos corridos foi adotado pela CONMEBOL nas eliminatórias. Às vezes, contudo, a porca torce o rabinho.

Na contenda rumo ao mundial de 1994, a Argentina encarou dureza ainda maior que o Brasil de Parreira, precisando recorrer à repescagem pra assegurar seu quinhão. Continuar lendo

Brasil x Argentina: a rivalidade que pegou fogo no futebol graças à Segunda Guerra

brasitinaQuando tinha 13 anos, ouvi minha professora de história culpar Galvão Bueno pelo acirramento da rixa entre Brasil e Argentina no futebol.

Havia certa razão no discurso da psora. Mas verdade seja dita: a labareda inicial queimou mui antes de escutarmos o narrador mais controverso do planeta bradar que ganhar dos hermanos era “muito melhor”. Continuar lendo

Copa América de 1993 => O último título da Argentina no futebol principal

copa américa argentinaEslováquia e República Tcheca vão cada uma pro seu lado. Bill Clinton assume a chefia da Casa Branca, pouco antes do primeiro ataque ao World Trade Center. Intel lança o processador Pentium, João Paulo II visita Timor Leste e o Brasil de Itamar Franco rejeita a monarquia.

Assim estava o mundo no início de 1993:

O ano em que a Argentina conquistou seu último título no futebol principal. Continuar lendo

Sydney, 2000 => O dia em que o vôlei da Argentina deu fim ao sonho olímpico do Brasil

brasil argentina 2000 2A derrota da Seleção Brasileira pra Argentina, na decisão masculina dos Jogos Pan-Americanos de Toronto, trouxe à memória uma dolorosa lembrança ao vôlei brazuca.

Nas Olimpíadas de Sydney, em 2000, a base que dominaria o esporte na primeira década do século XXI já estava formada, e encontrou os hermanos nas quartas-de final. Um confronto de tirar o fôlego, digno da rivalidade entre os dois países. Mas com um resultado não muito alegre pra nosotros. Continuar lendo

São Marcos I, o elegante primeiro goleiro da Seleção Brasileira

marcos carneiro de mendonçaO primeiro ídolo do futebol nacional não foi Friedenreich. Sequer tinha função ofensiva, aliás. Sofria com problemas nos pulmões e arritmia cardíaca na juventude. Só jogaria bola se encontrasse um posto no qual não precisasse correr. Pois assim fez o arqueiro inaugural da história da Seleção Brasileira. Continuar lendo