Yesterday => O filme que tinha tudo pra ser, mas não foi

yesterday cartazA promoção pesada em torno de Yesterday fez crer que o filme seria o melhor de todos os tempos, dentre os que tratam da obra dos Beatles de alguma forma. O trailer, com uma divertida comparação da faixa-título à Fix You, do Coldplay, aumentou ainda mais a expectativa. Aí a película estreou no agosto brasileiro que passou… E toda a beleza da premissa básica naufragou, mal utilizada. Continuar lendo

Paul McCartney usa a experiência pra, mesmo sem “Yesterday”, ganhar os fãs de Beatles no retorno a Curitiba

foto 1 (2)John se foi em 1980. George em 2001. Ringo segue ativo, mas detém parte pequena do espólio. Ver Paul McCartney, portanto, é o mais perto que um indivíduo pode chegar da experiência de um show dos Beatles. E Curitiba não via Paul faz tempo… Desde dezembro de 1993.

Pois a espera terminou neste sábado (30), às 21h29. Um minutinho antes do combinado tabelado, alegrando o estádio Couto Pereira (mais de 42 mil cabeças sortidas presentes) e encerrando a perna sul-americana da turnê Freshen Up, em suporte ao álbum Egypt Station (2018). Continuar lendo

Paul McCartney em Curitiba => 10 grandes músicas que o beatle não deve tocar no Couto Pereira

Paul McCartney

(Foto: Divulgação)

Ter uma carreira bem sucedida e longeva possui lá suas desvantagens: várias canções boas acabam fora dos sets ao vivo.

No caso de Paul McCartney, então, as preteridas de qualidade sobram.

Ao passar por Curitiba no próximo sábado, 30, o canhoto deve manter o padrão da atual turnê Freshen Up*, em suporte ao álbum Egypt Station (2018). Por isso, selecionei uma dezena de faixas gravadas por ele fora dos Beatles, as quais, por não estarem na rota normal da tour, dificilmente ganharão vida no palco do estádio Couto Pereira, a partir das 21h30. Continuar lendo

1001 grandes álbuns desse mundão (parte 10)

thelonious monk brilliant cornersQuando o projeto é longo, nem mesmo virada de ano é obstáculo.

Chegamos hoje à parte 10 da saga com a certeza de que, se muitos trabalhos bons já entraram no panteão, ainda rola espaço de sobra pra várias novas pérolas.

Forrado de jazz e altas doses de rock anos 1960, principalmente, eis o último post dos 1001 grandes álbuns desse mundão em 2017: Continuar lendo

1001 grandes álbuns desse mundão (parte 7)

in the court of the crimson kingAvançar na lista faz lembrar da boa vibe que álbuns legais são capazes de nos proporcionar. Olha… Já passei literalmente dias ouvindo e ouvindo e ouvindo elementos desta seção.

Certos exemplos revivem rapidamente na memória. Continuar lendo

Mitch Mitchell, Keith Richards, John Lennon e Eric Clapton => O supergrupo que deu o que falar no Rock and Roll Circus (1968)

dirty-macThe Rolling Stones Rock and Roll Circus foi um especial muito bacana organizado por Mick Jagger e sua trupe em dezembro de 1968. Dirigido por Michael Lindsay-Hogg, cidadão que um mês depois filmaria o conturbado documentário beatle Let it Be, o evento reuniu altas atrações de qualidade. Entre elas, o estelar The Dirty Mac. Continuar lendo

The Beatles => E se o White Album fosse um disco simples? Que músicas você colocaria na tracklist?

beatles-white-albumQuando retornaram do retiro espiritual na Índia, no início de 1968, os Beatles voltaram com tanta música na mala que decidiram gravar um disco duplo. Assim nasceu o icônico White Album.

Várias coisas legais fazem parte do bichão mas, convenhamos, também há colheres de fillers misturadas aos metais preciosos. Continuar lendo

Getting Better => O lado violento da personalidade de John Lennon

john lennon 1967Os traumas de infância e adolescência, sobretudo a perda da mãe, afetaram a conduta de John Lennon ao longo da vida.

Tentando esconder tais feridas, na juventude ele adotou uma postura viril, teddy boy, reprimindo sentimentos através da imposição. Verbal e até mesmo física.

No luzir dos anos, John tomou consciência disso. Tanto que, na famosa entrevista concedida à Playboy em 1980, pouco antes de ser assassinado, revelou haver na discografia dos Beatles uma confissão da forma abusiva com que se portava quando jovem:

Getting Better. Continuar lendo

E se Eric Clapton entrasse nos Beatles? Cold Turkey indica como a banda podia soar

cold turkey 3O fim de carreira dos Beatles foi marcado por tretas. A relação entre os integrantes ficou tão tensa que George Harrison pediu o boné em 1969, durante as sessões que mais tarde originariam o álbum Let it Be.

Não foi um adeus definitivo – ele reintegraria a banda 12 dias depois. Mas serviu pra John Lennon sugerir Eric Clapton à vaga aberta, originando um dos maiores WHAT IF‘s da história do rock.

Como seria o Fab Four com Slowhand? Se você curte especular, eis uma dica: Cold Turkey, “primeiro” single solo de Lennon. Continuar lendo

The Beatles => Os 9 solos de guitarra mais legais não tocados por George Harrison

beatles top 9O lineup guitarrístico dos Beatles nem sempre seguiu a lógica habitual. Ao vivo John Lennon vez ou outra se incumbiu dos sons dominantes e, no estúdio, até mesmo Paul McCartney se aventurou pelas seis cordas – inclusive antes de 1966, quando pararam de fazer shows.

Pensando nisso, listei 9 músicas bacanas em que, durante as gravações, o papel de guitarrista solo recaiu aquém dos ombros de George Harrison. Continuar lendo