Contos e afins => Capricórnio

Uma capricorniana na TV
Falou que capricorniano é assim

Direto no que quer Continuar lendo

Anúncios

Contos e afins => México Zinho

Eu não entendo. O sol diz outubro. O calendário diz outubro. Até a rede esfarelada das barbas-de-velho-meio-cinza-meio-mareladas-de-tanto-tédio lá no quintal diz outubro. Meus dentes careados, refestelados de tártaro, amarguinho na descida, chocolate mal dormido, dizem outubro. E cadê outubro, cacete? Primavera, porra! Continuar lendo

Contos e afins => Carta a um certo músico experiente e diferente

flyer acústico

(Foto: Guilherme Mattar)

O que que você pensava? Que que pensava quando saiu de casa rumo a cidade grande?

Vi você dizendo que nunca sentiu seu lar como lar. Que seu lugar era noutro lugar. Um sentimento bastante universal – todos têm hora ou outra. Só que você parecia genuíno. Genuíno no expressar. Aí me pergunto: como faz pra ter tanta certeza? Continuar lendo

Contos e afins => Objetos

CDs

(Foto: tenhomaisdiscosqueamigos.com)

Como uma escultura de gato chinês zombando da existência dos problemas mundanos, o bloquinho deita na tampa da escrivaninha. É possível ouvir a polvorosa e ruidosa TV da sala ligada, ligadinha no canal de variações do mesmo tema sem sair do tom. Boba qual nada, a caneca de cerâmica tricolor disso sabe muito que bem. Continuar lendo

Contos e afins => Blues do Iniciante 2

frejat e cazuza 1982

(Foto: Programa Boa Noite Brasil, 1982)

Eu queria tanto voltar àquela noite fria, parar apenas um instante. Bradando aos quatro ventos, sem me importar com o relento típico, juvenil, desenfreante. Afinal, em caso de acidente, você culpa a criança dirigindo ou o adulto que a botou no volante? Continuar lendo