Duo+dois em Curitiba => Duofel, Carlos Malta e Robertinho Silva deixam Teatro do Paiol com vontade de quero-mais (e canja de Airto Moreira)

duo+dois no teatro paiol_paulo celso rocha

(Foto: Paulo Celso Rocha)

“Beatles! Beatles!”.

Até que demoraram os primeiros pedidos, viu? Pintaram só na reta final, com os músicos já se preparando pra saidinha pré-bis.

“Beatles! Beatles”.

Quando vieram os pedidos, também, não pararam: antecederam todas as três canções derradeiras do show. Show que mostrou à Curitiba como soa, ao vivo, o melhor álbum brasileiro lançado em 2019. Continuar lendo

Anúncios

O Terno em Curitiba => Uma banda em franco crescimento na Ópera de Arame

o terno curitiba 2019_foto vinicius grosbelli

(Foto: Vinicius Grosbelli)

Jovens cantando; tocando; falando pra jovens. Na opinião de muita gente, aí residia o trunfo do BRock. Trunfo que, no passar das décadas, foi-se lentamente indo, rareando à chegada de novos artistas e padrões de vida.

Até O Terno aparecer. Assistindo ao show do trio na Ópera de Arame, no último dia 5, tive a certeza de que tal máxima ressurgiu através dos braços de Tim BernardesGuilherme D’AlmeidaBiel Basile e metais de apoio. Caras da nossa idade cantando; tocando; falando pra gente da nossa idade. Continuar lendo

Paul McCartney usa a experiência pra, mesmo sem “Yesterday”, ganhar os fãs de Beatles no retorno a Curitiba

foto 1 (2)John se foi em 1980. George em 2001. Ringo segue ativo, mas detém parte pequena do espólio. Ver Paul McCartney, portanto, é o mais perto que um indivíduo pode chegar da experiência de um show dos Beatles. E Curitiba não via Paul faz tempo… Desde dezembro de 1993.

Pois a espera terminou neste sábado (30), às 21h29. Um minutinho antes do combinado tabelado, alegrando o estádio Couto Pereira (mais de 42 mil cabeças sortidas presentes) e encerrando a perna sul-americana da turnê Freshen Up, em suporte ao álbum Egypt Station (2018). Continuar lendo

Pedreira Paulo Leminski, 1993 => A primeira vez de Paul McCartney em Curitiba

paul pedreira 1993

(Crédito: João Bruschz/Gazeta do Povo)

Por onde você andava às 20h do dia 5 de dezembro de 1993? Eu, criança de quase três anos (um centésimo da idade de Curitiba) provavelmente estava sob os cuidados de mãe e pai, em casa, àquele domingo. Domingo histórico.

Enquanto isso, Paul McCartney ganhava o palco da lotada Pedreira Paulo Leminski ao som de Drive my Car, arrancando aplausos da plateia ávida pela oportunidade de curtir um membro dos Beatles bem ali. Pertinho. Continuar lendo

Paul McCartney em Curitiba => 10 grandes músicas que o beatle não deve tocar no Couto Pereira

Paul McCartney

(Foto: Divulgação)

Ter uma carreira bem sucedida e longeva possui lá suas desvantagens: várias canções boas acabam fora dos sets ao vivo.

No caso de Paul McCartney, então, as preteridas de qualidade sobram.

Ao passar por Curitiba no próximo sábado, 30, o canhoto deve manter o padrão da atual turnê Freshen Up*, em suporte ao álbum Egypt Station (2018). Por isso, selecionei uma dezena de faixas gravadas por ele fora dos Beatles, as quais, por não estarem na rota normal da tour, dificilmente ganharão vida no palco do estádio Couto Pereira, a partir das 21h30. Continuar lendo

Prime Rock Brasil => Um resumo do que rolou na Pedreira Paulo Leminski

prime rock brasil

Sábado (8) foi um dia bastante especial em Curitiba. Lendas do rock nacional se reuniram sob um sol de rachar e tocaram por mais de 12 horas na Pedreira Paulo Leminski, celebrando suas obras no festival Prime Rock Brasil.

Segue abaixo um relato do que rolou em cada apresentação, organizado em ordem qualitativa (de acordo com a minha opinião, sempre bom frisar). Infelizmente o físico me impediu de ver os últimos atos do evento – Jota Quest e Capital Inicial. Estes fico devendo. Continuar lendo

Summer Break Festival => Em Curitiba, Noel Gallagher toca setlist mais focado na carreira solo

foto 4 (2)

(Foto: Guilherme Mattar)

Abrindo ao U2 em São Paulo, ano passado, Noel Gallagher destinou quase metade do repertório à banda que o consagrou. Agora, em Curitiba, o valor relativo do antigo trabalho caiu a um terço. Continuar lendo

Roger Waters, Couto Pereira, Curitiba => Entretenimento e consciência juntos em prol da arte

foto 2 (6)

Interlúdio de Dogs, parodiando o fim do livro A Revolução dos Bichos, de George Orwell (Foto: Guilherme Mattar)

Podemos repartir a arte musical, grosso modo, em dois grandes gêneros: entretenimento e canções conscientes. Aquelas nos ajudando a esquecer os problemas, estas lembrando-os na marra.

Pink Floyd se notabilizou por ambos, amarrando conceitos líricos densos num verdadeiro espetáculo de luzes, sons e estruturas. Pegada que Roger Waters manteve na vida-pós Gilmour, Wright e Mason. Continuar lendo

Nando Reis em Curitiba => Música inédita rouba a cena em show voz e violão no Teatro Positivo

foto 3.1

(Foto: Guilherme Mattar)

Difícil encontrar alguém mais à vontade no intimismo. Nando Reis combina com o formato voz e violão. Seu canto, tipicamente agudo, ganha corpo permeado à emoção das canções versando o amor. Continuar lendo