Roland Garros, 1997 => Deixando três campeões pra trás, Gustavo Kuerten ganha o título de forma inesperada

gustavo kuerten curitiba 2A melhor maneira de conquistar o mundo é tomá-lo de assalto. Evitar o alarde e dar o bote quando o “seráááá?” ainda habita as cabeças gerais.

Exatamente isso fez Gustavo Kuerten no tênis. Trajando a indefectível indumentária azul e amarela da Diadora, o catarinense transformou sua 66ª posição no ranking da ATP na mais alta do saibro de Roland Garros em 1997, eliminando uma série de ex-campeões do torneio pra concluir o feito. Continuar lendo