Os 10 melhores discos lançados pelos Beatles em carreira solo

beatlesFazia tempo que não rolava post sobre os Beatles, então lá vamos nós.

Hoje o assunto são os álbuns lançados pelos guris fora do grupo. Dentre estes, escolhi minha dezena preferida – a maioria da década de 1970, quando os lads de Liverpool fervilhavam de energia criativa querendo ser liberada.

Espia só: Continuar lendo

Anúncios

David Bowie cantando Beatles, com ajuda de John Lennon: tem como soar estranho? Tem, e o cover de Across the Universe mostra como

john lennon e david bowie

(Foto: laparola.com.br)

David Bowie deixou o glam de lado em 1975 e entrou na fase que chamou de “plastic soul”. Uma forte guinada estética e sonora, capaz de dar ao mundo o belo álbum Young Americans.

Neste disco, o Camaleão contou com ajuda de gente graúda, incluindo John Lennon, que tocou guitarra e gravou vocais em duas faixas: o hit Fame e o cover Across the Universe, composição dos Beatles escrita pelo próprio John. Continuar lendo

1001 grandes álbuns desse mundão (parte 2)

Chuck_Berry_-_After_School_SessionChegou a hora da segunda parte da listona marota dos grandes discos deste mundão véio sem portera.

Bora?

Booora!

Vamos então aos contemplados da vez, que apresentam uma novidade em relação à parte 1:

Abrangem também a década de 1950. Continuar lendo

Mitch Mitchell, Keith Richards, John Lennon e Eric Clapton => O supergrupo que deu o que falar no Rock and Roll Circus (1968)

dirty-macThe Rolling Stones Rock and Roll Circus foi um especial muito bacana organizado por Mick Jagger e sua trupe em dezembro de 1968. Dirigido por Michael Lindsay-Hogg, cidadão que um mês depois filmaria o conturbado documentário beatle Let it Be, o evento reuniu altas atrações de qualidade. Entre elas, o estelar The Dirty Mac. Continuar lendo

The Beatles => E se o White Album fosse um disco simples? Que músicas você colocaria na tracklist?

beatles-white-albumQuando retornaram do retiro espiritual na Índia, no início de 1968, os Beatles voltaram com tanta música na mala que decidiram gravar um disco duplo. Assim nasceu o icônico White Album.

Várias coisas legais fazem parte do bichão mas, convenhamos, também há colheres de fillers misturadas aos metais preciosos. Continuar lendo

Getting Better => O lado violento da personalidade de John Lennon

john lennon 1967Grande artista, grande compositor, homem problemático. Defensor da paz e do amor nas canções, John Lennon nem sempre praticou tais ideais na esfera pessoal.

Ele bem sabia disso. Tanto que, na famosa entrevista concedida à Playboy em 1980, pouco antes de ser assassinado, revelou haver na discografia dos Beatles uma confissão da forma abusiva com que abordava as mulheres na juventude:

Getting Better. Continuar lendo

E se Eric Clapton entrasse nos Beatles? Cold Turkey indica como a banda podia soar

cold turkey 3O fim de carreira dos Beatles foi marcado por tretas. A relação entre os integrantes ficou tão tensa que George Harrison pediu o boné em 1969, durante as sessões que mais tarde originariam o álbum Let it Be.

Não foi um adeus definitivo – ele reintegraria a banda 12 dias depois. Mas serviu pra John Lennon sugerir Eric Clapton à vaga aberta, originando um dos maiores WHAT IF‘s da história do rock.

Como seria o Fab Four com Slowhand? Se você curte especular, eis uma dica: Cold Turkey, “primeiro” single solo de Lennon. Continuar lendo

Happiness Is a Warm Gun => A contribuição mais inusitada de George Martin aos Beatles

Photo of George Martin 2O dedo de George Martin nos Beatles ia além da mesa de som. Quando os pupilos pediam ajuda, o mancebo arregaçava as mangas, bolava arranjos intrincados, tocava e até fazia outras coisas.

Em 1968, por exemplo, John Lennon aproveitou outro viés do produtor, o prosaico, pra compor uma preciosidade do White Album. Continuar lendo

O grande álbum que os Beatles deixaram de lançar

Beatles70Acredite se quiser: a discografia dos Beatles poderia ser ainda mais rica. Isso porque boa parte do material solo de John, George, Paul e Ringo foi composto visando inicialmente o catálogo da banda.

Lembrando também das faixas que os fab four compuseram e nunca lançaram (ou deram a outros artistas), tomei a liberdade de montar um álbum fictício. O formato clássico dos discos deles – com uma canção cantada pelo Ringuera – foi devidamente preservado. Continuar lendo