1001 grandes álbuns desse mundão (parte 36)

a procura da batida perfeita - marcelo d2 2003Fevereiro de 2020 está aí na nossa área, correndo solto mais uma semana, mui livre e levre, trazendo consigo a parte 36 dos 1001 grandes álbuns desse mundão.

Esta parte, especificamente, é uma das mais interessantes que compartilho, porque tem vários nomes que ainda não haviam pintado na empreitada, até agora. Sem falar no caráter multifacetado do próprio segmento, que agrega valores do soul, do fusion, do rock setentista, do blues-rock, do jazz, brasilidades distintas, thrash, americana, enfim. Se eu fosse ficar citando todos os gêneros e sub-gêneros, provavelmente ia ficar mais uns bons minutos montando este parágrafo – que já está grande assim, do jeito que terminá-lo-ei. Continuar lendo

1001 grandes álbuns desse mundão (parte 31)

the life aquatic studio sessions seu jorge 2005Uma das partes mais internacionais de toda a lista. Calhou desta ter apenas um representante nacional – e que baita representante: o álbum em que Seu Jorge toca músicas do Bowie, num violãozinho de cordas de nylon muito bacana de se escutar. Continuar lendo

1001 grandes álbuns desse mundão (parte 21)

um expresso vermelhoNa penúltima parte compartilhada no ano de dois mil e dozoito depois de Cristo, a lista dos 1001 grandes álbuns desse mundão fecha bonito com o gênero roqueiro.

Algumas obras adentram outras searas sonoras, tais como jazz e soul e MPB, mas a maioria fica no lance rock-and-rolleiro mesmo.

Espero que curta. Continuar lendo